Prazo de destinação ao Eu Faço Cultura vai até o dia 9 de dezembro

0
90

Já pensou em destinar seu Imposto de Renda? Acha complicado demais? Por meio do Eu Faço Cultura, programa da Fenae e das Apcefs, os empregados Caixa podem fazer a destinação de um jeito bem simples. O prazo para fazer parte da iniciativa vai até o próximo dia 9 de dezembro. Cada empregado Caixa pode destinar 6% do Imposto de Renda devido às ações culturais do programa, conforme prevê a Lei Rouanet.

Para realizar a destinação basta acessar o site eufacocultura.com.br/captação, fazer o login com os dados do Mundo Caixa, informar o valor do imposto devido – esta informação pode ser encontrada na intranet da Caixa, fazendo o cálculo do imposto retido, ou na última declaração de Imposto de Renda. O nosso site traz informações aos usuários sobre a realização dos cálculos. A confirmação dos dados pessoais também é feita no site.

Este ano, o objetivo é arrecadar até R$ 2 milhões. Com o valor, o Eu Faço Cultura conseguirá distribuir 67 mil ingressos, apoiar 355 projetos culturais e amparar 134 escolas públicas.

Doe e ganhe um presente exclusivo

Divulgue, participe, se cadastre! Todos os participantes receberão em forma de agradecimento um caderno de notas Moleskine, estampado com as obras vencedoras do Talentos Fenae/Apcef 2018. As obras selecionadas são das categorias poesia, foto e ilustração. São três modelos e você escolher qual prefere no final do processo de destinação. Você também pode destinar o valor do brinde para o Movimento Solidário, da Fenae e das Apcefs que auxilia a comunidade de Belágua (MA), um dos menores IDH do Brasil, e também o Lar das Crianças em Petrópolis (RJ).

Já quem quiser colecionar os Moleskines pode indicar um amigo para fazer a adesão. O indicado receberá um e-mail com um código que deve ser usado no momento da adesão. Cada destinação finalizada com este código dá direito a mais um brinde para o empregado que indicou.

Programa Eu Faço Cultura

O Eu Faço Cultura é um projeto criado há 13 anos. A iniciativa inovadora tem com o objetivo democratizar e impulsionar o mercado cultural. O Eu Faço Cultura já fez parte da transformação de milhares de brasileiros por meio da arte. Além de valorizar os artistas locais e amparar o pequeno e médio produtor cultural, o projeto tem uma missão de responsabilidade social de formar plateias com a população mais afastada do consumo cultural.

Desde 2016, o programa passou a funcionar no formato de plataforma digital e já distribuiu mais de 265 mil ingressos e 37 mil livros para aproximadamente 800 ONGs e escolas públicas de todos os estados do país. Mais de 1.400 projetos já passaram pela nossa vitrine virtual e amparamos mais de 380 produtores culturais.

Fonte: https://www.fenae.org.br/portal/

 

Deixe uma resposta